Modo de exibição:
Mostrar:

DRE - Demonstração de Resultado do Exercício

A Demonstração do Resultado do Exercicio evidencia o resultado de um determinado período da empresa. Constitui-se de:

(+)ROL (Receita Operacional Líquida)

(-) CPV (Custo dos Produtos e Serviços Vendidos)

(=) Margem Bruta

(-) DGA (Despesas Gerais e Administrativas)

(=) Lucro Bruto

(-) Resultado Financeiro (Despesas Financeiras - Receitas Financeiras)

(=) Lucro antes de Impostos

(-) Imposto sobre o Lucro (Imposto de Renda e Contribuição Social)

(-) Minoritários (para grupos econômicos que possuem sócios que não detém o controle do empreendimento)

(=) Lucro Liquido do Exercicio

Lucro por ação
Lucro por ação é calculado multiplicando-se o lucro trimestral por 4 (quantidade de trimestres em um ano) a fim de se chegar no que seria o lucro anualizado. É uma métrica utilizada para verificar a evolução do lucro de uma companhia em relação a quantidade de ações que essa companhia possue. Para as empresas que quase não possuem variação na quantidade de ações, é uma métrica que tem utilidade mais para fins de comparação com outras empresas. Já para aquelas que possuem aumento de capital ou mesmo recompra de ações, é uma métrica importante de desempenho financeiro, pois pode medir quanto de evolução o lucro por ação apresenta ao longo do tempo.
Vendas por Ação

Vendas por ação é uma métrica utilizada para verificar como evolue a ROL (Receita Operacional Líquida) de uma companhia em relação a quantidade de ações que essa companhia possue. Para as empresas que quase não possuem variação na quantidade de ações, é uma métrica que tem utilidade mais para fins de comparação com outras empresas. Já para aquelas que possuem aumento de capital ou mesmo recompra de ações, é uma métrica importante de desempenho financeiro, pois pode medir quanto de evolução a ROL por ação apresenta ao longo do tempo. Às empresas que possuem aumento de capital devem mostrar num primeiro momento uma queda da Vendas/ Ação, uma vez que para um mesmo montante de Receita, haverá mais quantidade de ações. Àquelas empresas que tiveram um crescimento agressivo por meio de aquisição de outras empresas ou mesmo outros negócios, é necessário verificar se esse aumento realmente demanda uma quantidade maior de investimentos por parte dos sócios ou o nível de endividamento foi muito maior do que o projetado inicialmente, quando da aquisição de novas empresas ou negócios.

Valor Patrimonial por Ação

Valor Patrimonial da Ação é o resultado do total do Patrimônio Líquido dividido pela quantidade de ações que a empresa possui. É um indicador importante para se comparar entre empresas e também com o desempenho do valor da ação negociada em bolsa de valores.

EBIT por Ação

EBIT dividido pela quantidade de ações detida pela empresa. Earnings Beforte Interests and Taxes. Resultado antes dos Juros (ou resultado financeiro, sendo esse a diferença entre as receitas e despesas financeiras) e antes dos Impostos (Impostos sobre o lucro). Indicador utilizado para se comparar EBIT de várias empresas, independente de seus tamanhos. EBIT por ação = EBIT dividido pela quantidade de ações detida pela empresa.

Ativo Total por Ação

Ativo Total dividido pelo Total de Ações da empresa. Medida serve para comparar os ativos entre várias empresas de um mesmo setor ou mesmo de setores distintos.

Giro dos Ativos
Giro dos Ativos = ROL (Receita Operacional Líquida) anualizada dividido pelo Ativo Total. Quantas vezes o ativo total da companhia produz receita, num determinado período de tempo. Dados do DRE (nesse caso a Receita Operacional Líquida) devem ser sempre calculados numa base anualizada, quando confrontados com dados do Balanço (nesse caso o Ativo Total).
Capital de Giro por Ação
Capital de Giro por Ação é métrica utilizada dividindo-se o capital de giro pela quantidade de ações da Companhia, e serve para comparar diferentes empresas de diferentes tamanhos e suas necessidades ou “sobras” de curto prazo de suas operações.
Capital Circulante Líquido por Ação

Capital Circulante Líquido por Ação é métrica utilizada dividindo-se o Capital Circulante Líquido pela quantidade de ações da Companhia, e serve para comparar diferentes empresas de diferentes tamanhos e suas necessidades ou “sobras” de curto prazo de suas operações.

Margem Bruta /ROL
Margem Bruta (%) mede a rentabilidade das vendas, após descontar os custos com produção. A fórmula é: Margem Bruta = ROL (Receita Operacional Líquida) – CPV (Custo dos Produtos e Serviços Vendidos) MB (%) = Margem Bruta dividida pela ROL x 100