Panatlantica-Principais Riscos

Os riscos que a própria Companhia enxerga e assume, relacionados as suas atividades

A construção e/ou expansão de novos pavilhões industriais quando ocorrem não são investimentos de vulto e somente são executados nas condições financeiras favoráveis e quando das boas perspectivas do mercado.

A companhia  não enfrentou e nem enfrentará conflito de interesse com as partes relacionadas, basicamente em função da total sinergia operacional entre elas e em função  de que a participação  do majoritário é expressiva na tomada de decisões.

A companhia não sinaliza no médio prazo o interesse em captar no mercado de capitais. A diluição da participação do controlador poderá ocorrer sempre que existir uma oferta tentadora e que venha ser consentida pelos atuais administradores e controladores. A companhia poderá utilizar-se do mecanismo para não distribuir lucros/dividendos sempre, respaldado pelo seu Estatuto Social, que seus administradores devido a situação financeira não julgar favorável.

As controladas e coligadas estão no mesmo nível de risco que a controladora por estarem inseridas nas atividades siderúrgicas que dependem da demanda e do abastecimento do aço pelas usinas locais.

O risco é a falta de abastecimento ou até mesmo a elevação do custo a nível insuportável da principal matéria-prima (bobinas de aço) no mercado nacional, fazendo com que se tenha importar, ou depender de uma política governamental quanto à redução dos tributos embutidos na importação, ou até mesmo reduzir sua produção até que o mercado volte aos patamares normais .

O risco  do cliente da companhia  está intrinsecamente relacionado  com o desabastecimento ou a majoração do custo da matéria-prima que inviabilize o repasse aos seus potenciais clientes e que não possam gerar uma condição financeira razoável de continuidade operacional.

O risco a economia não é grave devido a sua atividade não estar diretamente ligadas as necessidade básicas da sociedade, mas como toda atividade empresarial sempre causa prejuízos econômicos e sociais em eventual descontinuidade.